ūüíé Mineral Serpentina | Usos, Formula e Propiedades

A serpentina n√£o √© um mineral √ļnico, mas um grupo de minerais relacionados. Al√©m dos membros principais de antigorita e crisotila, geralmente n√£o √© feita distin√ß√£o entre os membros individuais, exceto no estudo cient√≠fico e na classifica√ß√£o.

A antigorita geralmente representa as formas mais sólidas, e a crisotila geralmente representa as formas fibrosas, especialmente o amianto.

O crisotila √© ainda subclassificado em quatro minerais membros por sua cristaliza√ß√£o, e o crisotila √© de longe a forma mais freq√ľente de crisotila.

Crisotila fibroso, um tipo de amianto, nunca deve chegar perto da boca. Se fibras ou part√≠culas entrarem nos pulm√Ķes, elas podem causar asbestose.

A asbestose √© uma doen√ßa pulmonar causada pela inala√ß√£o de part√≠culas de amianto, que causa v√°rios tipos de c√Ęncer, particularmente c√Ęncer de pulm√£o e mesotelioma.

significado das Pedra Serpentia

Os sintomas de asbestose não aparecem até cerca de 20 anos após a inalação. Devido aos perigos, a lavagem das mãos após o manuseio das amostras é altamente recomendada.

Muitos coletores de minerais evitam a coleta de minerais de amianto por raz√Ķes de seguran√ßa.

Para que é usada a serpentina?

A variedade finamente fibrosa do crisotila é a principal fonte de amianto industrial. Ela produz cerca de 95% de todo o amianto (os outros 5% são amianto anfibólio, como a tremolita e a actinolita).

Como não é afetado pelo fogo e é um mau condutor de calor, é utilizado para dispositivos de proteção contra incêndio e proteção contra o calor.

Seu uso anterior, que foi proibido na maioria das √°reas, foi como isolante, mas foi proibido devido √† sua not√≥ria natureza de causar c√Ęncer e outras doen√ßas de longa dura√ß√£o.

A antigorita, assim como a serpentinita e a antiguidade Verd, s√£o esculpidas em esculturas ornamentais. Eles s√£o suaves e f√°ceis de trabalhar, e criam uma arte excepcional.

Eles são usados como esculturas de animais, fins de livros e afins. A Verd Antique também é usada como um substituto para mármore verde ornamental, e é usada como bancadas, esculturas, placas e mosaicos.

As variedades Deweylite e Williamsite s√£o ocasionalmente utilizadas como pedras preciosas menores, e s√£o polidas como caboch√Ķes ou p√©rolas.

A cor da pedra preciosa é verde ou amarelo-esverdeada, e geralmente é manchada. As pedras preciosas serpentinas parecem-se com Jade, mas são mais macias e menos caras.

Onde é encontrada a serpentina?

A serpentina √© um mineral muito comum, e √© encontrado em abund√Ęncia em todo o mundo. Alguns locais famosos incluem Inglaterra, It√°lia e o Monte Olimpo, Chipre. A mina de amianto em Quebec.

A que minerais ele est√° associado?

A serpentina est√° associada a: talco, magnesita, dolomita, bruto, olivina, calcite, magnetita. O amesite ocorre com o diaspore.

Que outros minerais são similares à serpentina?

A serpentina é semelhante aos minerais a seguir, mas eles se distinguem da seguinte forma:

Talco: Mais macio (1).
Clorita: Mais macia (2 – 2¬Ĺ).
Tremolita e actinolita Amianto: mais dura (5 Р6), menos flexível.
Nephrite: mais dura, menos gordurosa.

Fórmula Química serpentina

O grupo Serpentine é composto por vários minerais relacionados. Uma fórmula genérica que inclui todos os membros é:

X2-3Si2O5(OH)4

onde X = Mg, Fe2+, Fe3+,

Ni , Al, Zn, ou Mn.

(Um dos dois átomos Si também pode ser substituído por um átomo Al ou Fe em alguns membros raros).

Isto leva a uma fórmula completa de (Mg,Fe,Ni,Al,Zn,Mn)2-3(Si,Al,Fe)2O5(OH)4.

(Os subscritos 2-3 após o primeiro conjunto de elementos indicam que existem dois ou três dos elementos selecionados, dependendo da carga do elemento. Algumas formas muito raras de serpentina contêm água [H2O] em vez de hidroxila [OH].

Como a carga de água é diferente da hidroxila, a fórmula dessas raras formas é ligeiramente alterada).

Os dois membros mais comuns do grupo das serpentinas s√£o:

Antigorito: (Mg,Fe)3Si2O5(OH)4
Crisotila: Mg3Si2O5(OH)4

Serpentine Propriedades físicas

  • Composi√ß√£o Silicato b√°sico de magn√©sio, ferro, alum√≠nio, n√≠quel, zinco e mangan√™s (algumas variedades raras cont√™m √°gua no lugar do hidroxil e substituem um metal diferente em troca da diferen√ßa de carga).
  • Cor Branco, amarelo, verde, cinza, marrom, preto, roxo; √†s vezes multicolorido, especialmente verde e amarelo.
  • Branco Veia
  • Dureza 2 – 5
  • Sistema monocl√≠nico cristalino
  • Formas cristalinas e agregados Antigorita, crisotila, crisotila, crisonita, fraiponita e nepouita cristalizam no sistema cristalino monocl√≠nico.
    O ortocisotil e o paracisotil cristalizam no sistema de cristais ortopédicos.
    Lizardite cristaliza no sistema de cristal hexagonal .
    Os agregados serpentinos incluem agregados maci√ßos, platinados, fibrosos (formando fibras resistentes, flex√≠veis e el√°sticas), botryoidais, colunares, colunares, terrosos, platinados, mic√°ceos, em grupos piramidais, aglomerados de l√Ęminas paralelas, e como veias fibrosas. As veias fibrosas podem ser retas, mas s√£o mais frequentemente em veias curvas e angulares. Algumas formas fibrosas s√£o extremamente macias e flex√≠veis e se assemelham √† l√£. A serpentina tamb√©m forma pseudomorfos ap√≥s muitos minerais, onde se forma na mesma forma cristalina que o mineral pseudomorfos.
  • Transpar√™ncia Transl√ļcido a opaco. Raramente transparente.
  • Gravidade espec√≠fica 2,5 – 3,2
  • Brilho gorduroso, ceroso ou sedoso.
  • Clivagem Normalmente n√£o discern√≠vel devido ao desenvolvimento de cristais.
    O crisotila pode apresentar clivagem basal.
  • Fratura Conchoidal, estilha√ßamento
  • Tenacidade Brilhante . A serpentina fibrosa √© flex√≠vel e el√°stica.
  • Outras marcas de identifica√ß√£o 1) Tem uma sensa√ß√£o de oleosidade.
    2) A serpentina amarela freq√ľentemente fluoresce uma cor branco-creme em luz ultravioleta de onda curta.
  • Caracter√≠sticas impressionantes Tato gorduroso, suave em compara√ß√£o com minerais similares, e pode ser flex√≠vel e el√°stico.
  • Ambiente A serpentina √© bastante comum em muitos ambientes, e √© um importante mineral formador de rochas em muitos ambientes metam√≥rficos.
  • Popularidade Popular
  • Preval√™ncia Muito comum
  • Demanda Altamente exigida

Califica este artículo

Dejar una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *