💎 Os 11 Colares Mais Caros do Mundo: De Maria Antonieta a Um Patrimônio em Flor

Qual é o colar mais caro do mundo? Ele vale US$ 200 milhões e foi criado pelo mestre joalheiro chinês Wallace Chan.

O «A Heritage in Bloom» consiste em 383,4 quilates em pedras preciosas acentuadas por um diamante incolor, que por si só custará US$ 35 milhões. Aqui está a lista completa de nossos colares mais caros do mundo:

  • Um patrimônio em flor – US$ 200 milhões
  • O colar de diamantes «Incomparável» – US$ 55 milhões
  • O «Coração do Oceano» – US$ 20 milhões
  • O «Coração do Reino» – US$ 14 milhões
  • Pingente de diamante amarelo vívido de Leviev – US$ 10 milhões
  • Colar de diamantes da Christie’s – US$ 8,14 milhões
  • Colar de rubi birmanês da Etcetera – US$ 6,4 milhões
  • A «Sra. Winston» – US$ 5,8 milhões
  • O «Red Scarlet» – US$ 5,1 milhões
  • Pingente de diamante da Christie’s – US$ 4,8 milhões
  • Colar «Marie Antoinette» – US$ 3,7 milhões

Artefatos arqueológicos revelam que os seres humanos usam colares há milhares de anos, na verdade, mesmo antes do início da escrita pré-histórica. Portanto, com certeza, os colares têm sido uma característica integral da história humana.

Conteúdo do artigo

Os colares mais bonitos e caros do mundo

Alguns colares são feitos para afastar males e espíritos malignos. Outros são projetados para representar um símbolo de poder e riqueza. Alguns são feitos para significar o status elevado de uma pessoa na sociedade e na política. Na maioria das vezes, as pessoas usam um colar para realçar sua beleza e atração e também como sinal de afeto e amor.

Seja qual for o motivo, os colares continuam sendo uma das principais atrações de joias há vários milênios. E não há dúvida de que continuarão a ser assim muito tempo depois de nossa morte.

Foi recentemente revelado que o mercado global de bijuterias foi avaliado em US$ 25,5 bilhões em 2015 e tem previsão de crescimento a uma taxa composta de 6,9%, chegando a US$ 40,6 bilhões em 2022. Esse crescimento do setor é atualmente impulsionado pelo aumento do uso da mídia digital para o marketing de produtos e por melhorias nas práticas de marketing on-line.

Os principais participantes desse setor incluem Avon Product Inc., Cartier, Louis Vuitton e Giorgio Armani S.p.A.

Voltando à importância dos colares, a maioria dessas peças permanece anônima e é transmitida de geração em geração.

Entretanto, há alguns itens valiosos que atraem a atenção mundial por sua beleza requintada, história e valor monetário.

Neste artigo, fornecemos detalhes sobre os 11 colares mais caros do mundo e o que faz com que eles se destaquem dos demais.

#11 O colar «Marie Antoinette» – US$ 3,7 milhões

Com o nome da famosa rainha francesa Maria Antonieta, esse colar mostra sua preferência por um estilo de vida luxuoso e real. Projetado pela De Beers, esse colar apresenta um diamante rosa de 1,84 quilates alinhado verticalmente no centro, bem como dois diamantes amarelos pesando 5,24 quilates e 7,06 quilates, respectivamente.

Os Colares Mais Caros do Mundo, colar Marie Antoinette

As três gemas preciosas são acentuadas por uma soma de 181,1 quilates em pequenos diamantes engastados em platina.

O diamante principal, pesando 8,05 quilates, funciona como uma âncora e puxa as gargantilhas para baixo, aprimorando o estilo e o formato geral do colar.

#10 Pingente de diamante da Christie’s – US$ 4,8 milhões

Esse colar com pingente de diamante da Christie’s foi leiloado em 2001 por US$ 4,8 milhões. Ele apresenta um requintado diamante em forma de pera que está ligado a um diamante redondo menor.

Pingente de diamante da Christie's, Os Colares Mais Caros do Mundo

O visual dessa obra-prima é completado por uma corrente simples feita de ouro branco. O colar enfatiza o enorme tamanho do diamante em forma de pera, que pesa impressionantes 47,49 quilates. Essa bela peça de joalheria certamente confere um visual muito luxuoso e rico a quem a usa.

#9 O «Red Scarlet» – US$ 5,1 milhões

Essa magnum opus foi projetada pelo famoso joalheiro James Currens e foi vendida por incríveis US$ 5,1 milhões em um leilão da Christie’s em Hong Kong em novembro de 2012. Esse magnífico item apresenta 26 rubis birmaneses de sangue de pombo em formato oval, com pesos que variam de 1,27 a 5,38 quilates.

Red Scarlet, Os Colares Mais Caros do Mundo

Cada rubi é realçado por um conjunto de diamantes em forma de pera e marquise branca. Os diamantes e rubis estão estrategicamente posicionados para criar um efeito floral que faz com que o colar se assemelhe a um colar de flores. As gemas preciosas são engastadas em ouro branco 18k e platina preciosa.

James Currens criou essa obra de arte magistral para o joalheiro de Hong Kong Fai Dee. Os rubis de sangue de pombo foram obtidos no Mogok Stone Tract da Alta Birmânia, uma região famosa por suas pedras de joalheria de alta classe.

#8 A «Sra. Winston» – US$ 5,8 milhões

A elegante Jessica Alba usou essa beleza durante a cerimônia de premiação do Globo de Ouro de 2013. O «Mrs. Winston» é um colar de diamantes em cascata que abriga um total de 187,5 quilates de diamantes brancos de alta qualidade, a maioria dos quais são peras.

Sra. Winston, Os Colares Mais Caros do Mundo

Essas gemas preciosas descem de uma faixa de diamantes até o meio do item. Três diamantes grandes são colocados na parte inferior para adicionar peso ao colar e destacar a aparência cônica da peça de joalheria.

O «Mrs. Winston» apresenta um total de 207 diamantes e é um retorno ao visual cultuado dos anos 1950. Esse colar clássico em forma de V complementou com elegância o atraente vestido de Jessica Alba na cerimônia de premiação.

A peça vale incríveis US$ 5,8 milhões porque todos os diamantes são engastados em platina e têm qualidade de cor D, E ou F, garantindo a excelência.

#7 Colar de rubi birman̻s da Etcetera РUS$ 6,4 milh̵es

O colar de rubi birmanês da Etcetera é classificado como o colar de rubi mais caro da história, pois foi vendido por incríveis US$ 6,4 milhões em um leilão da Christie’s em Hong Kong em novembro de 2013.

Colar de rubi birmanês da Etcetera, Os Colares Mais Caros do Mundo

Essa peça deslumbrante se assemelha a um colar de renda e abriga um total de 87,78 quilates de diamantes ovais e de pera branca, além de rubis birmaneses. Cada rubi está ligado a uma onda de diamantes e seis diamantes em forma de pera pendem da borda da onda para criar um efeito de gotejamento.

A Birmânia, hoje conhecida como Myanmar, é uma das principais fontes de rubis, mas os EUA a proibiram devido a preocupações com os direitos humanos no país.

Além disso, o então governo Obama estava preocupado com as violações dos direitos humanos e trabalhistas no setor de gemas de Mianmar. A proibição pode ter aumentado o valor do colar Etcetera e elevou seu preço para robustos US$ 6,4 milhões.

#6 Colar de diamantes da Christie’s – US$ 8,14 milhões

Esse colar foi vendido por US$ 8,14 milhões em um leilão da Christie’s em novembro de 2013 e um total recorde de US$ 111,3 milhões foi arrecadado nesse evento.

Colar de diamantes da Christie's, Os Colares Mais Caros do Mundo

A razão para o preço astronômico da peça é que ela apresenta 52 diamantes redondos que somam um peso total de 104,84 quilates.

Além disso, a Christie’s garante que cada gema é da mais alta clareza e qualidade. Dessa forma, esse surpreendente diamante oferece um fogo intenso e um brilho inigualável em outros colares.

#5 Pingente de diamante amarelo vivo de Leviev РUS$ 10 milh̵es

O comerciante israelense de diamantes Lev Leviev colocou essa obra-prima à venda por incríveis US$ 10 milhões. O motivo do alto preço: Esse colar apresenta um belo diamante amarelo vívido de 77,12 quilates, realçado por uma série de diamantes brancos.

Pingente de diamante amarelo vivo de Leviev, Os Colares Mais Caros do Mundo

Leviev encontrou a gema preciosa em uma de suas minas e ela foi registrada como um dos maiores diamantes de lapidação Asscher do mundo.

A classificação mais alta para uma pedra colorida é «fancy vivid» e esse espetáculo de Leviev certamente se qualifica nessa categoria. Leviev, de fato, controla o terceiro maior grupo de minas de diamantes do mundo. O preço pode muito bem subir, considerando a imensa atenção que essa beleza está atraindo de cortejadores de todo o mundo.

#4 O «Coração do Reino» – US$ 14 milhões

Uma criação do renomado fabricante de joias Garrard and Company, essa maravilha apresenta 155 quilates de diamantes brancos redondos e em forma de pera colocados em uma faixa.

Coração do Reino, Os Colares Mais Caros do Mundo

Essas pedras preciosas cercam um dos maiores rubis birmaneses do mundo, que fica no centro da peça. Esse rubi em forma de coração pesa incríveis 40,63 quilates. Sua atração é aumentada por sua profunda tonalidade vermelho-pombo.

Além disso, o colar é flexível, pois você também pode usá-lo como uma tiara.

O «Heart of the Kingdom» ostenta um total de 150 diamantes. Um laboratório suíço certificou que o rubi deslumbrante é extremamente raro e muito autêntico. Não é de se admirar que o preço seja de US$ 14 milhões, de cair o queixo.

#3 O «Coração do Oceano» – US$ 20 milhões

No filme de sucesso de bilheteria «Titanic», Rose, interpretada por Kate Winslet, usou apenas essa peça enquanto Jack, interpretado por Leonardo di Caprio, desenhava um esboço dela nua no navio condenado.

Coração do Oceano, Os Colares Mais Caros do Mundo

Essa obra-prima apresenta um diamante azul em forma de coração como pingente cercado por diamantes brancos. A pedra de valor inestimável está pendurada em um cordão de diamantes brancos.

O filme «Titanic» despertou um grande interesse em joalheiros renomados para que criassem suas próprias edições do «Heart of the Ocean». Asprey e Garrard venderam sua produção por US$ 2,2 milhões, enquanto a versão superior de Harry Winston arrecadou a impressionante quantia de US$ 20 milhões.

Edições mais baratas desse famoso colar foram feitas de cristal austríaco Swarovski e vendidas por US$ 20 a US$ 80. Além disso, J. Peterman criou uma réplica oficial do filme que se assemelha muito ao colar usado no filme. Essas réplicas se tornaram itens de colecionador muito procurados e uma única peça pode chegar a US$ 5.000 atualmente.

#2 O colar de diamantes «Incomparável» – US$ 55 milhões

O colar «Incomparável» custa monstruosos US$ 55 milhões, principalmente por causa de sua valiosa pedra pendente, um diamante amarelo-acastanhado internamente impecável, pesando 407,48 quilates. Essa pedra é engastada em ouro rosa e acentuada por 91 diamantes brancos.

colar de diamantes Incomparável, Os Colares Mais Caros do Mundo

O peso total dessa maravilha é de incríveis 637 quilates. Esteticamente, o «Incomparável» se assemelha a uma videira, pois a pedra principal está pendurada no caule. Esse colar tem um valor inestimável devido ao seu design exótico, assimétrico e irregular, e à interessante história por trás dele.

Diz a lenda que a pedra original foi encontrada por uma menina pobre há algumas décadas no Congo, na África. Essa gema rara e preciosa tornou-se uma grande atração em museus populares, incluindo o Smithsonian, antes de ser lapidada e colocada no colar pelo joalheiro de luxo Mouawad. A gema central de 637 quilates é considerada o maior diamante internamente sem falhas do mundo.

#1 Um patrim̫nio em flor РUS$ 200 milh̵es

O mestre artesão chinês Wallace Chan projetou essa obra-prima da joalheria chamada «A Heritage in Bloom», cujo valor estimado é de altíssimos US$ 200 milhões, o que a torna a primeira da nossa lista de colares mais caros.

Um patrimônio em flor, Os Colares Mais Caros do Mundo

A peça tem um total de 383,4 quilates em pedras preciosas, sendo que o principal diamante incolor divino vale, sozinho, deslumbrantes US$ 35 milhões.

Além disso, o colar ostenta 72 jades brancos de gordura de carneiro, 114 jadeítes verdes gelados, 600 diamantes rosa e mais 19 diamantes incolores divinos. Todas essas pedras preciosas ajudam a elevar o peso do colar a um considerável meio quilo.

O «A Heritage in Bloom» foi projetado com diamantes internamente impecáveis esculpidos no Cullinan Heritage, um diamante muito raro de 507,55 quilates do Tipo IIA. O Tipo IIA garante que o diamante está livre de impurezas. Essa peça ornamentada ostenta figuras de borboletas para o amor e um morcego para a boa sorte.

Os artesãos trabalharam por mais de 47.000 horas para criar essa obra-prima. Um fato interessante é que o colar tem um design modular que pode ser usado de 27 maneiras. Isso destaca a composição requintada e o design sofisticado da obra-prima de Wallace Chan.

Califica este artículo

Dejar una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *